sábado, 20 de julho de 2013

Uma imagem que não fala por si só


Marina em nossa varanda
Sabe quando criança fica muito quieta e a gente já vai esperando que alguma bagunça esteja sendo feita?
Foi o que aconteceu nesse dia.
Marina e Paulo são @s jardineir@s de nossa casa e é uma atividade que nossa pequena adora, acho que tanto quanto o pai. Este, durante todo o dia vai olhando cada plantinha, coloca água, observa se cresceu ou não, como está a cor e a textura das folhas e, juntos, batizam algumas delas com nomes de amigos e parentes.
Numa bela, tranquila e fresca tarde de Verão Paulo chegou à varanda e viu exatamente a cena acima. Eu e Savana havíamos chegado antes e vimos o que acontecera.
A prateleira cedeu e as plantinhas cairam!
Nossa pequena, vendo as plantinhas no chão, tratou de salvá-las. Quietinha, caladinha, simplesmente foi lá, com a experiência que já tinha, salvar as amiguinhas.
Quando o pai entrou já viu a "bagaceira" mas sem olhar para a prateleira então corremos a dizer "olhe pra cima!" e ficou, como nós, todo orgulhoso da iniciativa de Marina.

Poucos textos meus tem objetivo específico. Este tem: não me deixar esquecer que antes de bronquear preciso ver, ouvir e, principalmente, confiar na figurinha com quem venho convivendo dia a dia.

Obs.: Isto aconteceu em março de 2012. Há muitos acontecimentos cujas imagens salvei e como não tive tempo fui deixando para quando o tal aparecesse. Este é um desses casos.

4 comentários:

redação disse...

Adorei o texto! E é um bom lembrete para parar e pensar um bocadinho antes de estourar. :)

redação disse...

Adorei o texto! E é um bom lembrete para pensarmos um bocadinho antes de estourar. :)

Sandra Xavier disse...

Q linda iniciativa!!!!

Parabéns pela filhota!!!
bjos

Patrícia Gomes disse...

Pois é...imaginem se ela tivesse levado uma mega-bronca por uma iniciativa tão linda!
Bjus